Dicas de Saúde

Dezembro Vermelho: um alerta contra a Aids

Em quase uma década, Brasil registra um aumento de 21% de novos casos da doença, uma média que destoa da tendência mundial    Janeiro Branco, Agosto Laranja, Outubro Rosa, Novembro Azul. São várias cores que têm o objetivo de chamar a atenção das pessoas para os cuidados com a saúde. E o último mês do ano não poderia ser diferente. Mas engana-se quem pensa que ele é apenas para celebrar o Natal. Dezembro Vermelho marca a prevenção da Aids, uma doença infecciosa transmitida pelo vírus HIV. Em 1º de dezembro de 1988 foi instituído o Dia Mundial Contra a Aids, que tem como objetivo chamar atenção para as medidas de prevenção, assistência e proteção, bem como a promoção dos direitos das pessoas infectadas com HIV. Segundo dados do Ministério da Saúde, de 1980 a junho de 2018, foram notificados 926.742 casos de Aids no Brasil. Ainda, segundo o levantamento, são 40 mil novos casos anualmente. De acordo com a Agência de Notícias da Aids, o Brasil apresentou um aumento de 21% no número de novos casos de Aids em oito anos. Esse aumento fez com que a América Latina registrasse, em média, um acréscimo de 7% nos novos casos da doença entre 2010 e 2018. Ainda segundo o Portal, foram registrados no país 44 mil novos casos em 2010. Já em 2018, esse número foi para 53 mil. Dados da Organização das Nações Unidas (ONU) também apontam que o Brasil teve um aumento de 21% de novos casos em oito anos. Entretanto, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), o Brasil é referência no tratamento da Aids, com [...]

Leia mais...

Você está atento à sua saúde?

Santa Genoveva Complexo Hospitalar conscientiza sobre o Dia Nacional do Câncer. Estudos apontam que em 2030 haverá 27 milhões de novos casos da doença.   Considerada a segunda principal causa de mortes no Brasil e no mundo, o câncer perde apenas para as doenças cardiovasculares. Por esse motivo, 27 de novembro passou a ser conhecido como o Dia Nacional de Combate ao Câncer. A data foi instituída com o objetivo de alertar a população sobre os riscos da doença e conscientizar para a prevenção do surgimento da neoplasia maligna, uma vez que existem mais de 200 tipos de cânceres. De acordo com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), o câncer foi o responsável por 9,6 milhões de mortes em 2018 no mundo, o que significa que uma em cada seis mortes são relacionadas à doença. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que, em 2030, haverá 27 milhões de novos casos de câncer, 17 milhões de mortes pela doença e 75 milhões de pessoas vivendo com o câncer. Dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA) estimam uma ocorrência de 640 mil novos casos de câncer no biênio 2018-2019. Mesmo com o possível diagnóstico, diversos óbitos podem ser evitados caso haja o descobrimento precoce da doença. Os tipos de câncer mais comuns na população brasileira são o câncer de pele, próstata, mama, traqueia, pulmão, cólon e reto. Entre as mulheres, o principal causador de óbitos é o câncer de mama. Já nos homens, o principal é o câncer de pulmão. Segundo a oncologista do Santa Genoveva Complexo Hospitalar, mais importante do que lembrar de fazer os exames de rastreio, é manter um [...]

Leia mais...

Dengue: a batalha contra o mosquito

Com o objetivo de mobilizar a população e garantir que não apareça novos focos do Aedes aegypti, foi criado o Dia Nacional de Combate à Dengue, comemorado no último dia 23.  Que estamos enfrentando uma das maiores epidemias de dengue dos últimos tempos, não é segredo para ninguém. Para se ter uma ideia, só em Uberlândia já foram registrados mais casos da doença do que em todo o ano de 2018. A cidade tem a maior incidência da doença entre as cidades do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas.   Uma das maneiras de impedir o surgimento de novos casos, é cuidar para que não haja a proliferação de novo criadouros do mosquito Aedes Aegypti.   Dados da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), o Brasil teve só no ano de 2019 o maior número de casos de dengue da América Latina. O estudo foi realizado entre os meses de janeiro e outubro. Segundo o levantamento, mais de 2,7 milhões de casos de dengue foram registrados no continente latino. Montante que está 13% acima do registrado em 2015.  De acordo com o Boletim Epidemiológico de Monitoramento dos casos de Dengue, Chikungunya e Zika da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, atualizado no dia 18 de novembro, até o momento, Minas Gerais registrou 484.779 casos prováveis de dengue, 153 óbitos em 47 municípios e 94 óbitos permanecem em investigação.  2019 foi o ano em que várias cidades do país enfrentaram uma das piores epidemias de dengue nos últimos tempos. Mas engana-se quem pensa que não precisamos mais nos preocupar com ela.  O período chuvoso, acompanhado de temperaturas elevadas, é o clima ideal para o mosquito [...]

Leia mais...

Você está tossindo há quanto tempo? Cuidado, esse sintoma não pode ser negligenciado

Maior complexo hospitalar privado de Uberlândia alerta sobre a doença que atinge cerca de dois bilhões de pessoas no mundo Criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em 1982, o Dia Mundial de Combate à Tuberculose é celebrado anualmente em 24 de março e tem objetivo de conscientizar a população sobre a doença. A data foi criada em homenagem aos 100 anos do anúncio do descobrimento do bacilo que causa a doença, pelo médico Robert Koch. Segundo o Programa Nacional de Controle da Tuberculose, vinculado ao Ministério da Saúde e realizado em fevereiro de 2018, na nova classificação da Organização Mundial de Saúde (OMS 2016-2020), o Brasil ocupa a 20ª posição da lista dos 30 países prioritários para tuberculose. Entre os anos de 2016 e 2017 foram registrados 69 mil novos casos de tuberculose e, apenas em 2016, cerca de 4,5 mil mortes pela doença foram catalogadas. Estimativas da OMS apontadas em um estudo calculam que um terço da população mundial está infectada pelo bacilo da tuberculose, o que corresponde a dois bilhões de pessoas. De acordo com a Organização, essa é uma das doenças que mais mata no Brasil. Conforme o site da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, a tuberculose é a doença infecciosa que mais mata jovens e adultos. No Brasil, são notificados aproximadamente 67 mil novos casos por ano e ocorrem 4,5 mil mortes em decorrência da doença, ou seja, 13 brasileiros, em média, morrem diariamente de tuberculose. O portal ainda acrescenta que em Minas Gerais foram notificados 3.591 novos casos da doença em 2017. Além disso, 538 municípios mineiros, dos 853, registraram pelo [...]

Leia mais...

Diga não ao preconceito: prevenção também é coisa de homem!

A campanha Novembro Azul serve para alertar sobre tipo de câncer que ameaça milhares de homens   Chegamos ao mês de prevenção ao câncer de próstata, o tipo que mais afeta os homens do nosso país, depois do câncer de pele (não-melanoma). De acordo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), são esperados cerca de quase 70 mil novos casos de câncer de próstata. Ainda de acordo com o Portal, cerca de 95% dos homens tem algum preconceito para fazer o exame de toque retal. Desses, 37% acreditam que a doença pode ser detectada apenas com o exame PSA, sem necessidade do exame de toque. Dez por cento deles se recusam a fazer o exame, 32% não gostam de ir ao médico e 21% consideram que não precisam fazer o exame, pois possuem uma vida saudável. O prejuízo para esta situação é a dificuldade para detecção precoce da doença, em uma fase com maior potencial de cura. Perigo maior principalmente em homens mais jovens, nos quais a doença poderá causar a  morte, devido a apresentar um comportamento mais agressivo. Recém-chegado de um congresso de oncologia clínica, que aconteceu na cidade do Rio de Janeiro no mês de outubro, o oncologista do Santa Genoveva Complexo Hospitalar, Rodolfo Gadia, acredita que a barreira do preconceito impede que muitos homens se dediquem à prevenção e consigam diagnosticar a doença precocemente. "Cerca de 63% dos casos no mundo ocorrem em homens com mais de 65 anos. Quando diagnosticado e tratado no início, o câncer de próstata tem os riscos de mortalidade muito reduzidos. Os principais fatores para o desenvolvimento da doença são a idade acima de 50 [...]

Leia mais...

Alzheimer

A Doença de Alzheimer (DA) é um transtorno neurodegenerativo progressivo e fatal que se manifesta pela deterioração cognitiva e da memória, comprometimento progressivo das atividades de vida diária e uma variedade de sintomas neuropsiquiátricos e de alterações comportamentais.  Sendo uma doença que afeta não só o portador mas a família por completo, o Dr. Cláudio Barbosa, nutrólogo do Santa Genoveva Complexo Hospitalar criou um e-book para sanar algumas dúvidas. Veja abaixo: Alzheimer_Saiba-Mais_001 (1)

Leia mais...

Alimentação e Câncer

Umas das principais formas de evitar o câncer é ter uma alimentação saudável, ser fisicamente ativo e manter o peso corporal adequado. Pensando nisso, o Dr. Claúdio L. Barbosa, nutrólogo do Santa Genoveva Complexo Hospitalar, criou uma manual para orientar à todos em relação ao câncer e a nutrição. Bom conteúdo! 2019-04-09 Alimentação e Câncer Dr Claudio

Leia mais...

Vitamina A

A vitamina A é responsável por proteger a visão e reduzir o risco de diarreia e infecções respiratórias. Ela ajuda no desenvolvimento e crescimento das crianças e auxilia no desenvolvimento celular e ósseo, na formação do broto dentário do feto na gestação. Pode ser encontrada nos seguintes alimentos: fígado de vaca, leite, óleo de peixe, ovo, queijo minas frescal, manteiga sem sal, cenoura, batata doce, couve, espinafre, mamão e tomate.

Leia mais...

Fonte de Proteína

As proteínas estão presentes em todos os seres vivos e participam de praticamente todos os processos celulares, desempenhando um vasto conjunto de funções no organismo, como construção, manutenção e renovação dos tecidos da mãe e do bebê na gestação, a duplicação de uma molécula de DNA, entre outros. As proteínas são encontradas nos seguintes alimentos: carne, ovos, leite, peixe, legumes, nozes, sementes, frutas, inhame, mandioca e batata-doce.

Leia mais...

Benefícios da Maçã

Fruta desejada, gostosa, saborosa, nutritivas, fonte de vitaminas, minerais, potássio e ferro. A maça contém várias vitaminas excelentes para o organismo, é também rica em fibra, modera o apetite por promover saciedade e protege o organismo dos danos causados pelos radicais livres. #Maçã #Fruta #Benefícios #QualidadeDeVida #SaúdeBemEstar #DicasSaudáveis

Leia mais...